segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

COMENTÁRIOS
João Suassuna – Pesquisador da Fundação Joaquim Nabuco O que falta nessa gente é uma visão de futuro. No caso em questão, ficou resolvido o fornecimento volumétrico para a irrigação praticada no Vale do São Francisco, na região de Juazeiro / Petrolina. Os canais da Transposição do Rio ficam localizados à jusante dessa captação, que irá beneficiar 2.000 irrigantes. Na irrigação, esses volumes são de uso consuntivo, ou seja, as águas irão irrigar as culturas e não retornarão ao rio. A pergunta que não quer calar: haverá volumes suficientes para o atendimento das demandas de 12 milhões de pessoas no Setentrional nordestino, que passam por extrema necessidade de água? É sobre esse tipo de questionamento, que as autoridades precisam prestar os esclarecimentos devidos à sociedade, para que a mesma comece a se preparar para os ajustes e adequações nos usos de suas águas, que serão inevitáveis

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aventura Selvagem em Cabaceiras - Paraíba

Rodrigo Castro, fundador da Associação Caatinga, da Asa Branca e da Aliança da Caatinga

Bioma Caatinga

Vale do Catimbau - Pernambuco

Tom da Caatinga

A Caatinga Nordestina

Rio São Francisco - Momento Brasil

O mundo da Caatinga